Como obter Carta de Crédito para financiar um imóvel?

Conquistar o sonho de obter a casa própria é algo que todo brasileiro deseja. Entretanto, a grande maioria não sabe das diversas possibilidades de conseguir chegar até esse objetivo. Além dos clássicos financiamentos, há uma série de opções para dar início ao processo. Uma delas é utilizar a carta de crédito para financiar um imóvel. Trata-se de um documento, uma garantia que o banco oferece àqueles que já possuem uma quantia ou crédito pré-aprovado e desejam efetuar a compra ou negociação diretamente com o vendedor do local.

Quer saber como funciona? É continuar lendo e prestar atenção em todos os detalhes necessários para conseguir sua carta.

O que é uma carta de crédito

A carta de crédito nada mais é do que um documento de crédito utilizado por aqueles que desejam comprar algum bem. É um instrumento que é usado como um comprovante de que o comprador possui o dinheiro para adquirir o que deseja, em um processo semelhante à entrega de um cheque.

Esse tipo de carta não é de uso exclusivo para compra de imóveis. Em nosso país, este é um mecanismo muito utilizado no mercado de consórcios, onde o cliente contemplado recebe uma carta com o valor do prêmio conquistado e vai às compras por conta própria. O banco emite a carta e ela é uma garantia de que o solicitante tem o dinheiro disponível para realizar a transação. Nela, está especificado o valor máximo e o prazo fixo definido para que as operações de crédito sejam realizadas, algo semelhante a uma data de validade do documento.

No que diz respeito a uma carta de crédito para financiar um imóvel, o instrumento pode ser utilizado tanto para a aquisição de um imóvel novo, usado ou até mesmo na compra de material de construção com o objetivo de reformar ou construir uma nova casa. Ela é chamada de carta de crédito imobiliário e há diversos bancos que já trabalham para que elas sejam emitidas, não somente a Caixa Econômica Federal.

Como obter uma carta imobiliária

O primeiro passo é escolher qual será o banco em que será solicitada a emissão de carta de crédito, o que significa selecionar a quem você irá pagar as prestações referentes ao empréstimo. A dica aqui é visitar o banco em que você tem conta primeiro. Eles já conhecem seu perfil e seu histórico como cliente e, por isso, provavelmente terão as melhores condições para você. Mas não deixe de pesquisar na concorrência. Converse com vários bancos e gerentes e analise as taxas de juros e administrativas cobradas em cada um. Investir seu dinheiro demanda tempo e uma pesquisa aprofundada.

Carta de credito casa imovel

É possível adquirir um imóvel através de uma carta de crédito.

Feito isso, para dar início ao processo você vai precisar dos seguintes documentos:

  • RG;
  • CPF;
  • Comprovante de endereço;
  • Contra-cheque ou Comprovante de Renda;
  • Documentação do que pretende comprar.

Após dar início ao processo e fazer a solicitação da carta de crédito para financiar um imóvel, o pedido será aprovado ou negado. O tempo varia de acordo com a instituição financeira. Na Caixa Econômica Federal, a demora é de aproximadamente 15 dias.

Tipos de carta

No que diz respeito às cartas de crédito fornecidas pela Caixa, há duas modalidades que são escolhidas com base nas demandas e necessidades de cada cliente: a Carta FGTS e a Carta SBPE. No que diz respeito à primeira, trata-se de um financiamento realizado com base no saldo existente no Fundo de Garantia do solicitante. É permitido financiar o valor do imóvel desejado em até 100% e com até 30 anos para pagar. Os valores depositados são transferidos como pagamento automaticamente. Essa opção pode ser usada por pessoas que tem renda familiar mensal de até 5 mil reais e a parcela não pode exceder 30% desse valor.

Já com a carta SBPE, que é do Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo, o solicitante tem até 35 anos para pagar pelo valor do imóvel escolhido e também tem limite de até 30% de sua renda familiar comprometida com o pagamento do financiamento. A única regra é que o valor do empréstimo não pode ultrapassar 450 mil reais, sendo que o imóvel pode custar até 500 mil.

Cuidados

É preciso tomar muito cuidado e não agir por impulso quando se trata de carta de crédito para financiar um imóvel, pois há muitas pessoas negociando esse instrumento de compra no mercado paralelo. O dinheiro vem fácil e as oportunidades parecem maravilhosas, mas a taxas e as legislações não são aplicadas corretamente e você pode ter muitos problemas.

É importante verificar se a instituição financeira é realmente de confiança e qualificada para fazer esse tipo de financiamento. Verifique se o banco ou financeira é credenciada e fiscalizada pelo Banco Central, assim como os grandes bancos, antes de tomar a decisão de fechar negócio.

[/caption]

Deixe sua mensagem

Your email address will not be published. Required fields are marked *