Posso abrir uma Caderneta de Poupança com o Nome Sujo?

Um dúvida extremamente comum entre os brasileiros é o que é possível fazer quando se está com o nome sujo. Estar endividado significa que o indivíduo ou instituição não cumpriu com suas obrigações financeiras como deveria e há consequências para esses fatos. Por isso, as principais dúvidas são sobre o acúmulo de dinheiro e a abertura de contas em banco.

Afinal, se você está devendo dinheiro a alguém, na teoria, significa que você não pôde pagar por algo. O que automaticamente leva a mente à ideia de não poder acumular mais dinheiro e deixar que a dívida se arraste. É daí que surge a dúvida: posso abrir uma caderneta de poupança com o nome sujo?

Nome sujo no SPC e SERASA

Antes de entender o que se pode ou não fazer enquanto o nome estiver sujo, é necessário compreender do que se trata o SPC e o SERASA. O termo “nome sujo” é usado quando uma pessoa ou empresa é cadastrada no Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) ou no SERASA. Para que isso aconteça, é necessário estar devendo alguém. É possível mudar a situação com muita negociação e ter o nome limpo novamente.

O SPC e o SERASA registram os nomes dos cidadãos inadimplentes. Eles trabalham em parceria, listando informações sobre maus pagadores. Trata-se de algo importantíssimo no sistema financeiro brasileiro, pois é através dele que é feita a consulta antes de as instituições financeiras liberarem mais crédito aos seus clientes. Para obter empréstimos, cartões de crédito e coisas do tipo, é comum que essa consulta seja feita.

O objetivo desse cadastro é que as pessoas que não cumprem com seus compromissos acabem não conseguindo fazer novas solicitações, gerando uma grande dívida à várias instituições.

É possível abrir uma poupança com o nome sujo?

Optar por uma conta do tipo poupança significa selecionar uma opção em que não há taxas de serviços, manutenção, cartões de crédito ou cheque especial. A única coisa que acontece é que seu dinheiro irá render de acordo com os juros vigentes. Isso significa que não é possível que uma pessoa dê prejuízo a um banco por possuir uma caderneta de poupança.

É direito de todo cidadão abrir uma conta poupança, em qualquer instituição que ofereça esse tipo de serviço. Portanto, quem tem o nome sujo também tem pode iniciar a abertura de uma conta, sem que o processo seja dificultado. No momento da solicitação, o banco não deve fazer nenhum tipo de consulta ao SPC ou SERASA, pois essa não é uma razão legal para se negar o pedido.

Poupança

Saiba seus direitos: é possível abrir uma poupança mesmo com restrições em seu nome

Ainda assim é muito comum que a instituição se negue a abrir uma caderneta de poupança do cliente com o nome sujo. Se isso acontecer com você, tome as providências necessárias. Entre em contato com o PROCON e o Banco Central para denunciar esse tipo de prática.

A caderneta de poupança é um direito de todo cidadão. O fato de uma pessoa ter uma dívida com alguma instituição ou empresa, não impede que ela acumule dinheiro para outros fins.

Como abrir uma poupança

Já que abrir uma conta poupança é um direito seu, é necessário saber quais são os pré-requisitos da abertura. O processo é bem simples e costuma ser praticamente o mesmo em todos os bancos. Na Caixa Econômica Federal, por exemplo, basta separar documento de identidade com foto, CPF e comprovante de residência, todos originais e acompanhados de suas respectivas cópias. Em seguida, é só ir até a agência ou casa lotérica mais próxima para fazer a solicitação.

É possível abrir uma poupança para pessoas de qualquer idade. No caso de menores de 16 anos, todo o processo deve ser feito apenas pelos representantes legais. Para adolescentes com idade entre 16 e 18, a abertura só é feita com a presença do jovem e o acompanhamento dos responsáveis. Já no caso de maiores de idade, somente o titular da conta pode fazer a solicitação.

[/caption]

Deixe sua mensagem

Your email address will not be published. Required fields are marked *