Qual é o melhor banco para investir?

Os investimentos são parte importante de uma vida financeira equilibrada. Quando temos a possibilidade de guardar dinheiro e fazer com que ele renda satisfatoriamente, fica bem mais fácil garantir a realização de objetivos no futuro. O número de investidores vem crescendo no Brasil nos últimos anos, algo que se deve ao acesso maior a informações sobre o universo financeiro. Com blogs e sites especializados no assunto, muita gente aprendeu quais aplicações rendem mais, como começar a investir e, o mais importante, que qualquer pessoa pode se tornar um investidor.

Para os investidores iniciantes, uma dúvida bem comum é “em qual banco devo investir?”. Essa é uma escolha difícil, que deve ser pautada por diferentes fatores. Ressaltamos que você sempre deverá levar em consideração suas necessidades individuais, mas conhecer bem sobre as instituições financeiras ajuda bastante.

Recentemente, a Fundação Getúlio Vargas, uma das maiores do país, entregou ao Santander o prêmio Melhor Banco para Investir (MBI) relativo ao ano de 2015. Vamos entender quais são os fatores que deram a vitória para o Santander e qual é a colocação dos demais bancos do país.

Escolha o banco que irá cuidar melhor dos seus investimentos.

Escolha o banco que irá cuidar melhor dos seus investimentos.

Prêmio Melhor Banco Para Investir

Em 2015, seis bancos concorreram do prêmio: Banco do Brasil, Bradesco, Caixa Econômica Federal, HSBC, Itaú e Santander. Para a participação, a FGV considera as instituições que têm, ao menos, 50 agências físicas e estão presentes nos maiores estados do Brasil.

Uma comissão julgadora avalia os principais serviços de investimento oferecidos pelos bancos. São seis categorias:

  • ações;
  • fundos multimercados;
  • money market;
  • renda fixa;
  • varejo;
  • varejo seletivo.

A categoria “varejo” inclui os fundos com investidores de menor poder aquisitivo. Já o “varejo seletivo” contempla clientes num nível intermediário, que não estão no “varejo” mas também não estão no segmento private – Bradesco Prime, Santander Van Gogh e outros. A categoria “money market” inclui os fundos DI e outros investimentos de curto prazo.

Em todas essas categorias são dadas notas com base em diferentes fatores, tais como: retorno dos investimentos; taxas de administração cobradas; valor mínimo para investimentos; queixas registradas pelos clientes no Bacen; e custos das cestas de serviços. A partir desses e outros fatores, chegou-se à avaliçaõ geral dos bancos.

Ranking dos Melhores Bancos Para Investimentos

Veja a ordem dos bancos segundo o prêmio da Fundação Getúlio Vargas:

  1. Santander (8,95)
  2. Banco do Brasil (8,52)
  3. Bradesco (8,08)
  4. Itaú (8,04)
  5. Caixa Econômica (7,17)
  6. HSBC (6,66)

Entre parênteses estão as notas recebida por cada instituição. O Santander se manteve na primeira posição, assim como na edição anterior do prêmio. O Banco do Brasil, por outro lado, conseguiu uma melhora significativa, indo da 5ª colocação em 2014 para a 2ª em 2015. O Bradesco caiu do 2º para o 3º lugar.

Existe ainda um outro dado interessante. Cada banco foi avaliado nas diferentes categorias:

  • Ações: Bradesco (8,55)
  • Multimercado: Banco do Brasil (8,55)
  • Money Market: Bradesco (8,55)
  • Renda Fixa: Itaú (8,55)
  • Varejo: Santander (8,55)
  • Varejo Seletivo: Banco do Brasil (8,55)

Como você pode notar, apenas a Caixa e o HSBC não aparecem entre os primeiros lugares quando observamos as categorias separadamente. Assim, dependendo de qual será o segmento do seu investimento, é possível escolher pelo banco com melhor avaliação ou buscar outros critérios que ajudem na decisão, já que a diferença entre eles não é tão grande.

O melhor banco é a melhor opção? E as corretoras?

Pesquisas são interessantes, mas isso não quer dizer que seja a sempre a melhor escolha para o pequeno investidor. Existem muitos aspectos na vida de cada um que pode interferir na escolha. Seja pela renda, pelos objetivos, pelo momento de vida e muitas outras coisas. Além disso, existem diversas possibilidades de escolhas que não entraram na pesquisa.

Uma opção interessante que, muitas das vezes é mais interessante que investir pelos bancos, são as corretoras independentes. Como são menores, especializadas e com menos custos, podem oferecer os mesmos produtos que os bancos a preços mais interessantes além de ter mais elementos para auxiliar os investidores.

[/caption]

Deixe sua mensagem

Your email address will not be published. Required fields are marked *