Como conseguir o cartão Minha Casa Melhor?

O programa governamental Minha Casa Minha Vida já um grande conhecido dos brasileiros. Criado para possibilitar que pessoas de baixa renda consigam realizar o sonho da casa própria, o programa já beneficiou milhões de pessoas em todas as regiões do país.

Quem adquiriu um imóvel com subsídio do Minha Casa Minha Vida pode aproveitar um outro benefício: o cartão Minha Casa Melhor da Caixa Econômica Federal.

Ele se destina aos beneficiários do programa governamental e pode ser usado para a compra de móveis e eletrodomésticos para a nova casa. O cartão é aceito em milhares de estabelecimentos comerciais conveniados e tem limite até R$5 mil.

Cartão Minha Casa Melhor

O cartão Minha Casa Melhor oferece crédito para a compra de alguns itens para mobiliar a casa. Ele é emitido pela Caixa Econômica Federal e tem tarifas bem menores que as cobradas normalmente no mercado. Para solicitar o crédito, é necessário ser beneficiário do programa Minha Casa Minha Vida e já estar com as chaves do imóvel. Além disso, é preciso estar com as parcelas do financiamento imobiliário em dia para ter o direito ao cartão.

Como comentamos antes, o limite de crédito concedido é de até R$5 mil, conforme a análise feita pela Caixa Econômica. Após a contratação do cartão, o cliente tem um prazo de 48 meses para pagar as parcelas do crédito. Os juros são bem reduzidos: 5% ao ano. Assim, é possível negociar bons descontos nas lojas no momento da compra, já que o pagamento é feito à vista, e compensar os encargos cobrados.

Quem usa o cartão tem até 4 meses para gastar o crédito recebido. As prestações começam a ser cobradas depois que o cliente gasta todo o seu limite disponível. Caso isso não aconteça dentro de 4 meses, o valor gasto durante esse período passará a ser cobrado a partir do 5º mês.

Saiba mais informações sobre o funcionamento do Cartão Minha Casa Melhor.

Saiba mais informações sobre o funcionamento do Cartão Minha Casa Melhor.

O que eu posso comprar?

O cartão não pode ser usado para compras ilimitadas. Por ser um programa governamental, existem regras bem claras para o uso do valor concedido. São 14 tipos de móveis e eletrodomésticos com valor máximo fixado pela Caixa Econômica. Veja:

  • Guarda-roupas – até R$700;
  • Cama de casal ou beliche – até R$500;
  • Cama de solteiro – até R$400;
  • Mesa com cadeiras – até R$400;
  • Sofá – até R$600;
  • Estante ou rack – até R$350;
  • Móveis para cozinha – até R$600;
  • Geladeira – até R$1090;
  • Fogão – até R$599;
  • Microondas – até R$350;
  • Máquina de lavar roupas – até R$1100;
  • TV – até R$1400;
  • Tablet – até R$800.

A dica é sempre negociar os valores com o lojista para conseguir bons descontos. Assim você economiza e consegue aproveitar melhor o limite do cartão.

Como fazer o cartão?

Agora vem a notícia ruim. Todas essas regras são válidas para quem já possui o cartão, mas, atualmente, a solicitação de novos cartões Minha Casa Melhor está suspensa pela Caixa Econômica Federal. Não se sabe se o programa irá voltar ou quando irá voltar, pois tudo depende da liberação de verba pelo governo que passa agora por um momento de crise. Se você quer adquirir o cartão, a dica é acompanhar o site e aguardar por novidades: https://minhacasamelhor.com.br/.

[/caption]

Deixe sua mensagem

Your email address will not be published. Required fields are marked *