O que colocar no campo DAC a fazer uma TED?

O uso de canais eletrônicos para realização de serviços bancários pode deixar a vida mais prática. No entanto, tem hora que os bancos parecem querer dificultar o que poderia ser muito simples. Um dos grandes problemas é a linguagem financeira, cheia de siglas e terminologias específicas. Muitas vezes, esses termos não conhecidos pelo cidadão comum, dificultando bastante a efetivação de uma transação.

Um exemplo bem comum é o uso das siglas COMPE e ISPB pelo Banco do Brasil para a realização de TED. Sem saber o que elas significam, o cliente tem dificuldades para fazer sua transferência, ainda que, na maior parte das vezes, essa informação não interferia na operação.

Recentemente, recebemos comentários de dois leitores relatando outro problema na hora de fazer uma TED ou DOC pelo Itaú. Veja:

Bom dia. Não consegui fazer um TED do Itaú para o Banco do Brasil. Pediu o DAC e eu não sei o que colocar. 

Eu preciso fazer um DOC do banco Itaú pra Caixa e pediu um numero DAC. Como faço da saber esse número?

Preenchi os dados da agência e conta mas pede o DAC. O que seria isso? Quero fazer um TED para o Banco do Brasil. 

É justamente por isso que gostamos dos comentários dos leitores. A partir deles, podemos buscar mais informações e tornar o blog cada vez mais útil. Como esse problema com o DAC parece ser frequente, resolvemos escrever um artigo para tentar esclarecer o que deve ser usado nesse campo.

Na hora de transferir dinheiro para outra pessoa, você poderá ter que informar o DAC da conta e da agência.

Na hora de transferir dinheiro para outra pessoa, você poderá ter que informar o DAC da conta e da agência.

O que é DAC?

A sigla DAC se refere ao Dígito de Auto Conferência. Essa explicação pode dizer pouco, mas, na verdade, a sigla é usada em diferentes situações. O uso do DAC como dígito verificador é mais comum na composição do número de um boleto bancário. Em relação aos dados que precisamos para fazer uma TED, o DAC pode se referir ao dígito da conta bancária ou da agência.

Então, se na hora de fazer uma TED ou um DOC o banco solicitar o DAC, você deverá completar o campo com o dígito da conta ou da agência, ou seja, com o número que vem depois do hífen. Veja:

  • Se o número da agência for 3510-2, por exemplo, o DAC é o número 2;
  • Se o número da conta for 25218-4, por exemplo, o DAC será o número 4.

Na prática, o que você precisa saber é que o DAC corresponde ao dígito e que, portanto, será necessário saber essa informação quando os dados da conta forem passados.

Dicas Importantes

A melhor forma de evitar problemas ao fazer um TED ou DOC é ter em mãos todos os dados de quem irá receber o dinheiro. Antes de fazer a solicitação de transferência, confira se essas informações estão realmente corretas, pois qualquer erro impedirá a realização da transação.

O DAC da conta e da agência pode ser consultado no cartão de banco de quem irá receber a TED. Caso você não tenha como encontrar esse número, peça para a pessoa conferir quais são os números que aparecem depois do hífen ou da barra. Nem sempre é necessário informar o dígito, mas se o banco exigir, informe o dado.

[/caption]

Comentários
  1. Marina
    • Flávio
  2. ryana
    • Flávio
  3. maykon

Deixe sua mensagem

Your email address will not be published. Required fields are marked *