Como e Onde Reclamar dos Bancos?

Muitas pessoas passam por problemas com os bancos. Seja por serviços prestados de forma incorreta ou não-prestados, cobranças indevidas ou outros, é comum que ocorram desavenças entre as instituições e os clientes. E, muitos dos problemas que surgem, são decorrentes das violações dos direitos do consumidor.

Porém, como realizar as reclamações sobre os bancos? É importante que os clientes saibam registrar as ocorrências e contatar os órgãos responsáveis, para que não seus direitos sejam assegurados e não saiam no prejuízo. A primeira dica é procurar o banco e resolver a situação de forma amigável. Caso isso não dê certo, outras providências devem ser tomadas, como contatar a ouvidoria, órgãos como Banco Central e Procon, ou até mesmo procurar a justiça.

Registrando Reclamações

Entre em contato com o banco: Diversas pessoas enfrentam problemas com os bancos, pelos mais variados motivos. Isso pode ser constatado no site Reclame Aqui, em os clientes que enfrentam algum problema tentam, primeiramente, obter uma resposta e resolução de seus problemas diretamente com os bancos. No caso do Banco do Brasil, por exemplo, 100% das reclamações são respondidas, e o índice de soluções é 80,6%.

Já no caso do Santander, 99,8% das reclamações são respondidas, e o índice de solução é de 82,4%. Ainda, existem bancos como por exemplo, a Caixa Econômica Federal, que não se atentam para a reclamação dos consumidores por este portal, possuindo apenas 36,1% de índice de solução.

Este tipo de reclamação deve ser sempre o primeiro passo, tentar uma aproximação direta com o banco. Assim, o problema pode ser resolvido de forma amigável. O portal Reclame Aqui é uma alternativa, pois muitos bancos ficam atentos a ele e resolvem diversos problemas dos clientes, afim de atingir uma boa nota de reputação.

Porém, para os bancos como a Caixa, que não se atentam para o Reclame Aqui, temos modos mais diretos de comunicação. Pode-se entrar em contato por escrito com o banco, por meio dos canais de atendimento ou até mesmo pessoalmente, com o gerente de contas em questão. Caso for seguir esta opção, lembre-se sempre de anotar o número do protocolo de atendimento.

Contate a ouvidoria do banco: As ouvidorias dos bancos são canais 0800 que devem ser disponibilizados por todas as instituições, afim de promoverem o contato do cliente. Assim, é um canal aberto para sugestões, reclamações e elogios. Todos os bancos possuem uma ouvidoria, mas elas são comumente conhecidas por serem apenas um registro geral, e caso tenham muitas reclamações acerca de um assunto, o banco toma uma atitude sobre.

No site do Banco Central você pode acessar a lista dos contatos das ouvidorias das principais instituições financeiras.

Registre a ocorrência no Banco Central: O Banco Central é a instituição que rege e controla todos os bancos e instituições financeiras. Ele possui diversas leis para regulamentar as ações dos bancos, prevenindo possíveis complicações e protegendo os direitos dos clientes.

A questão acerca do Banco Central é que, como é mencionado no site do órgão, ele não toma atitudes sobre processos individuais. Qualquer pessoa pode registrar reclamações no Bacen, mas as providências são tomadas de acordo com um estudo abrangente. Com base nas reclamações, o Banco Central pode realizar fiscalizações, mudança na legislação, modificar o ranking das instituições e realizar ações de educação financeira.

Apesar desta alternativa e também a últimas não serem exatamente a resolução dos problemas individuais, é importante realizar estes passos para que o Bacen tenha ciência das ações do bancos e também possa tomar atitudes que ajudem outras pessoas e previnam problemas futuros.

Reclamações realizadas no Bacen.

Conheça o fluxo de reclamação do Banco Central.

Procure o Procon: A Fundação Procon é o meio mais utilizado e procurado pelos brasileiros afim de resolverem desentendimentos com não só os bancos, mas também outras instituições e estabelecimentos varejistas. O Procon é o Programa de Proteção e Defesa do Consumidor, que auxilia na resolução dos conflitos.

Você pode tanto acessar o site do Procon e registrar sua reclamação, quanto ir até o órgão na sua cidade. Assim, será aberto um processo para que possa haver uma mediação entre a instituição e o cliente. O Procon tentará resolver a situação do melhor modo possível, garantindo os direitos dos clientes. Porém, nem sempre este é o caminho da resolução do problema, por isso ainda há a opção do indivíduo entrar na Justiça, como iremos falar a seguir.

Juizado Especial Cível: Este é um órgão do Juizado Comum Estadual, que promove a conciliação, julgamento e execução das causas que são mais simples, de menor complexidade. Como, por exemplo, as causas de conciliação entre empresas e clientes. Ou mesmo os processos que obrigam as instituições a cumprirem suas obrigações.

Para abrir um processo no Juizado Especial Cível é necessário que a pessoa vá até o fórum da sua cidade, com os documentos que comprovem a situação em que se encontra. Não é necessário que ele vá com o processo escrito, pode-se relatar a situação para o funcionário. Além disso, em causas abaixo de 20 salários mínimos não é necessária a presença de um advogado.

[/caption]

Deixe sua mensagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *