Qual o Primeiro Grupo que Irá Receber o Auxílio Emergencial?

Devido à crise econômica que foi ocasionada pelo coronavírus, o governo brasileiro aprovou o pagamento de um auxílio emergencial financeiro de R$ 600,00, podendo chegar a R$ 1.200,00, para os indivíduos mais necessitados, que tiveram suas atividades laborais afetadas pela pandemia. Este auxílio estará disponível para todos os Micro Empreendedores Individuais (MEI), inscritos no Cadastro Único (CadÚnico) até o último dia dia 20 de março, indivíduos que tenham cumprido o requisito de renda média até 20 de março de 2020 e para contribuintes individuais ou facultativos do Regime Geral de Previdência Social. Ainda, deve-se cumprir outros requisitos, como ter acima de 18 anos e não ter recebido rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70 em 2018.

Nesta terça-feira (07/04), a Caixa Econômica anunciou o lançamento do site e do aplicativo Caixa Auxílio Emergencial para que os indivíduos pudessem realizar a solicitação. Porém, as pessoas já cadastradas no CadÚnico ou que recebem o Bolsa Família não precisaram se cadastrar nestas plataformas. Após a solicitação e conclusão do registro, tanto o aplicativo quanto o site não deram previsão de pagamento do auxílio, e, por isto, logo surgiu a dúvida de muitos sobre qual o grupo que irá receber o primeiro o auxílio emergencial.

De acordo com o calendário divulgado pelo governo, o primeiro grupo que irá receber este valor será o de pessoas que estão no Cadastro Único, não possuem Bolsa Família e têm conta no Banco do Brasil (BB) ou poupança na Caixa Econômica Federal. O pagamento para estes indivíduos será feito no dia 9 de abril, na quinta-feira. Confira abaixo qual a previsão de pagamento para os demais.

Ordem de pagamento do Auxílio Emergencial

Quinta-feira, 9 de abril: Como mencionado acima, o Auxílio Emergencial será pago primeiramente para os indivíduos inscritos no Cadastro Único (até o dia 20 de março), que não possuam Bolsa Família, têm conta no Banco do Brasil ou conta poupança na Caixa Econômica Federal. As pessoas que se encaixam nesta categoria não precisaram se inscrever no site ou aplicativo disponibilizados pela Caixa, uma vez que o governo já possuía os seus dados. Elas receberão o dinheiro no dia 9 de abril, quinta-feira.

O dinheiro será transferido automaticamente, por meio de depósitos virtuais. Ainda, os indivíduos poderão solicitar a transferência para a conta que preferirem, de qualquer banco e sem custos. Os que não tiverem contas em banco e precisarem sacar o dinheiro poderão ir até lotéricas e agências da Caixa, do Banco do Brasil, Banco da Amazônia e Banco do Nordeste, em outro calendário específico para saques. Por enquanto, não há está opção de saques na agência, apenas de transferências.

Caixa Auxílio Emergencial

O auxílio emergencial começará a ser pago no dia 9 de abril.

Terça-feira, 14 de abril: Na terça-feira, dia 14 de abril, o pagamento será feito a pessoas que estão no Cadastro Único, não recebem Bolsa Família e não têm conta na Caixa ou no BB. De acordo com o presidente da Caixa, Pedro Guimarães, serão criadas 30 milhões de contas digitais para indivíduos que não possuem conta em banco.

Últimos 10 dias úteis de abril: Nos últimos 10 dias úteis de abril, o pagamento será feito aos indivíduos que recebem Bolsa Família. Esses últimos dias úteis são: 17, 20, 21, 22, 23, 24, 27, 28, 29 e 30.

Em até 5 dias úteis após inscrição no aplicativo ou pelo site: Ainda, para os que não estão inscritos no CadÚnico ou recebem Bolsa Família, e se cadastraram pelo site ou aplicativo da Caixa, o dinheiro será pago em até 5 dias úteis após feita esta inscrição.

Este calendário citado acima se refere ao pagamento da primeira parcela do auxílio. A segunda parcela possui um calendário diferente, em que os depósitos serão realizados de acordo com o mês do aniversário do trabalhador. Ou seja, não será mais conforme o seu cadastro no CadÚnico, recebimento do Bolsa Família ou por possuir conta em determinada instituição.

[/caption]

Deixe sua mensagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *